11/03/2016 - Mercado nacional de GNL deve se diversificar nos próximos anos

Mercado nacional de GNL deve se diversificar nos próximos anos

O mercado brasileiro de gás natural liquefeito (GNL) será marcado nos próximos anos por uma diversificação de players e pela descentralização do fornecimento do combustível. A avaliação foi apresentada pelo nosso gerente executivo de Marketing e Comercialização da área de Gás e Energia, Álvaro Tupiassu, em palestra no eventoArgus Latim America LNG Summit, realizado nesta quinta-feira (10/03), no Rio de Janeiro. Na exposição, o executivo traçou um cenário de maior competição no negócio de gás natural no Brasil até o final da década.

"Nossas projeções apontam que, até aproximadamente o ano de 2020, o mercado contará com um maior número de players, produzindo e/ou importando e podendo vender diretamente aos consumidores finais. Essa é uma tendência natural, dado o reposicionamento da companhia nas atividades ligadas à área de gás natural", analisou Tupiassu.

O denvolvimento das nossas atividades no segmento de GNL foi detalhado na apresentação, que mostrou a necessidade de uma nova frente de oferta do energético para o mercado brasileiro com o objetivo de atender a demanda do setor elétrico. Em 2010, explicou Tupiassu, com o aumento da geração termelétrica, estruturamos nosso negócio com gás liquefeito de maneira permanente. Hoje, cerca de 20% da oferta de gás para o mercado nacional vem da importação de GNL.

Desde o início das operações com GNL até hoje, já negociamos a importação de 416 cargas de mercados como Trinidad e Tobago, Nigéria, Catar e Espanha. Recentemente fechamos a aquisição da primeira carga produzida nos Estados Unidos continental, totalizando 160 milhões de metros cúbicos de GNL a serem regaseificados no terminal da Baia de Guanabara (RJ). Contamos ainda com os terminais de Pecem (CE) e da Bahia, que, somados ao do Rio, têm capacidade para regaseificar até 41 milhões de m³/dia.

Mais Notícias e Eventos

Cargas perigosas

Cargas perigosas

São mais de 3,5 mil tipos de substâncias químicas de alta complexidade viajando pelas estradas brasileiras, algo que exige conhecimento e cuidados específicos

© 2004 / - MELFEX - Sua Referência em Atmosferas Explosivas